Home / Profissional / O que é uma tornearia? Descubra aqui o que faz o torneiro

O que é uma tornearia? Descubra aqui o que faz o torneiro

 

O processo de usinagem é complexo e cheio de detalhes. Existem diferentes funções que são combinadas para fabricar peças e equipamentos, e é aqui também que se encaixa a tornearia.

Para funcionar, indústrias como a siderúrgica, automotiva e petrolífera precisam de máquinas e manutenções de extrema precisão. E a usinagem existe para dar esse suporte a essas empresas que movimentam fortemente a economia do país e do mundo.

A tornearia é uma dessas que é indispensável. Embora seja uma prática muito antiga, ela continua sendo uma das mais importantes para o funcionamento de diferentes empresas.

Vamos explicar o que é a tornearia, e como esse processo é importante para a usinagem de materiais.

Entenda o papel da tornearia no processo de usinagem

Absolutamente tudo o que consumimos foi fabricado por alguma máquina ou pelas mãos humanas. Quando as máquinas são as protagonistas, elas precisam de ferramentas e peças que são criadas em processos de usinagem.

Indústrias gigantescas – como a petroquímica – dependem, portanto, do funcionamento de usinas que fabriquem esses materiais com precisão, e de profissionais que consigam garantir essa qualidade absoluta.

A tornearia é uma das partes mais importantes, precisas e relevantes do processo de usinagem, ou seja, fabricação e corte de peças.

Essa máquina é reconhecida por conseguir realizar cortes muito precisos em peças que são essenciais para diversos segmentos. Existem vários tipos de tornos no mercado.

Atualmente é possível encontrar inclusive alguns com sistemas programáveis, que garantem ainda mais precisão e segurança no manuseio, já que ele não dispensa a força humana para funcionar.

A tornearia, portanto, é o processo de corte que define a forma do objeto a ser moldado. Para isso, são realizados cálculos precisos que ajudam a entender as dimensões de cada peça.

Mas a tornearia só corta metal?

Embora seja comumente utilizado para metal, é importante saber que o torno é um equipamento muito versátil, e pode servir também para definir o formato de peças em outros materiais como plástico ou madeira.

Mas como se trata de um equipamento de alto custo, poucas empresas utilizam essa máquina para usinar peças que podem ser manuseadas em outros processos. Por isso ele geralmente é reservado ao metal. A tornearia é capaz de produzir peças como polias, eixos, roscas, cones, esferas e cilindros.

  • Quem pode manusear essa máquina?

Para que o torno seja devidamente manuseado, é necessário que uma pessoa com devida formação faça o trabalho. O torneiro mecânico é o profissional com tal habilitação, e capaz de realizar o molde corretamente.

Conhecendo o torno mecânico

Tudo o que foi explicado até aqui só é possível através do bom funcionamento do torno mecânico. Esse é o nome da máquina capaz de realizar essa mágica da usinagem.

Essa é uma máquina-ferramenta que realiza diferentes ações, e por isso mesmo existem exigências específicas para que o trabalhador possa controlá-la.

O torno possui diferentes velocidades que darão a peça efeitos variados. Saber como regular isso é fundamental para que o material que está sendo usinado não seja danificado, e siga os moldes do projeto.

Também é papel do torneiro dar atenção a essa questão e garantir que a peça seja fabricada da maneira correta, e cumpra com as expectativas do cliente.

Na Braniva Indústria Mecânica você encontra  variados serviços de torno executados por profissionais altamente qualificados, capazes de lhe entregar o melhor resultado – inclusive superando as suas expectativas.

A tornearia é um processo fundamental para a indústria em seus diferentes segmentos, assim como o torneamento – procedimento que explicamos no texto “O que é torneamento?”. Acompanhe nosso conteúdo para saber mais.

 

 

 

 

 

 

 

About Admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *